NAYARA JUSTINO ERA PRETA DEMAIS PARA A GLOBO E FOI TROCADA POR UMA MAIS CLARINHA


Fotos: Divulgação
Pelo menos foi isso que o canal televisivo de maior alcance em território brasileiro disse em alto e bom som nas últimas semanas. A TV Globo substituiu a voltaredondense Nayara Justino do cargo que ela conquistou com a ajuda do público por Erika Moura, uma mulata um pouco mais clara.

Não sou a favor dessa erotização da TV brasileira, acho realmente que essa palhaçada de "Globeleza" deveria simplesmente acabar. Colocar uma mulher negra (em um país racista como o nosso) para dançar com a xereca pintada de tinta guache na televisão aberta, para crianças assistirem é no mínimo pedofilia.

Mas, já que esse canal de merda, manda nessa porra de país, ao menos que seja coerente com o as merdas que faz. Tudo bem que deram fama pra Nayara, que era (e ainda é) uma desconhecida. Mas qual foi o preço dessa fama? Será que o dinheiro que ela ganhou com eventos foi o suficiente para pagar as ofensas que ela sofreu?

Ela foi chamada de macaca, de Zé pequeno, foi zuada, achincalhada e por fim, demitida antes mesmo que seu contrato acabasse. E pra piorar, esse canal de TV continua com essa palhaçada, e, coloca uma mulata menos negra no lugar dela, fingindo que ninguem se importa.

A verdade é que não se importam mesmo. Ninguém nesse país se importa com os negros, nem com os pobres. No caso dela, que é preta, pobre e mulher... O preconceito veio com tudo. Veio do povo que sacaneou com ela na internet, veio dos humoristas que fizeram piada, veio da Globo, veio de todo os lados.

Espero que ela consiga aproveitar essa fama de rebolar pelada na TV e use para alguma coisa útil, visto que a festa dela acabou.

1 ✎ Comentários :

Anônimo disse...

que menina bocó. sofre racismo e fica calada, deve ter medo da globo.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...